NÃO SE ADEQUAR A UMA SOCIEDADE DOENTE É UMA VIRTUDE

Nós vivemos numa sociedade pragmática e controlada, que leva a um comportamento padrão, com muitas regras e obrigações. Vivemos sempre a seguir um padrão único, como se fôssemos todos iguais. Sendo assim, a vida acaba se transformando em uma grande linha de produção, em que todos têm que fazer as mesmas coisas, ao mesmo tempo e no mesmo ritmo, de modo a tornar todos iguais, sem qualquer peculiaridade que possa definir um indivíduo de outro e, por conseguinte, torná-lo especial em relação aos demais.

Nossa sociedade hoje mata nossos sonhos e teatraliza a felicidade em vez de permitir que cada um encontre a sua própria felicidade. Somos obrigados a sorrir o tempo todo, porque não se pode jamais demonstrar fraqueza. E compactuamos com a farsa de que estamos felizes, e assim as mentiras soam como verdade.

Fontes e Imagens: Revista Prosa Verso e Arte.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s